Conheça o OKR. A metodologia que tomou conta do mercado

Conheça-o-OKR

O OKR se tornou uma das principais metodologias dentro de empresas de todos os segmentos do mercado.

Ele tem crescido e tomado o seu lugar em meio aos processos e estratégias que são adotadas para trazer mais resultados positivos para o negócio.

Apesar do aumento na sua popularidade, muitas pessoas ainda não conhecem o OKR á fundo e nem sabe como aplica-lo em seu empreendimento.

Por conta disso, preparamos um conteúdo completo para que você possa tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto, confira!

O que é OKR e como ele surgiu no mercado?

A sigla OKR vem da expressão em inglês: Objectives and Key Result. Ela se refere à metodologia de gestão ágil de objetivos.

De forma simples, o OKR é um conjunto e objetivos que se relacionam entre si e que estão focados na estratégia de mercado que foi aplicada pela empresa.

Por conta disso, ele deve ser sempre simples e direto, para que os colaboradores possam entender e trabalhar para alcançar o que deseja.

Essa ferramenta se popularizou nos anos 90, porém, ela se baseia em um modelo bem mais antigo.

Nos anos 50, Peter Drucker (que era considerado o pai da administração moderna), criou um método de gestão, o chamado Management by Objectives (MBO).

Essa metodologia também se baseia em metas que precisam ser alcançadas para obter os melhores resultados, aumentando a produtividade do negócio.

Foi a partir deste modelo que Andrew Grove criou a metodologia de gestão usada pela Intel e que, anos depois, recebeu um investimento de John Doerr, que foi quem investiu no Google no começo da sua operação e, uma dos pré-requisitos de sua aplicação era adotando o OKR como uma gestão de metas.

Quais são as características do OKR?

Hoje em dia já existem diferentes métodos para mensurar resultados, no entanto, o OKR é um dos mais simples e rápidos.

Veja as suas principais características:

Bottom-Up

A definição do OKR surge a partir da troca de ideias entre colaboradores e a direção de uma empresa, sendo que os funcionários são responsáveis pela definição de 60% dos objetivos do negócio.

Ciclos curtos

Os prazos para alcançar os objetivos e os resultados devem ser curtos.

Geralmente, as empresas preferem mantê-las em períodos trimestrais. No entanto, é possível que alguns OKRs possam ser anuais, mas eles precisam ser poucos e considerados indispensáveis para o sucesso da companhia durante o ano.

Comunicação

O OKR funciona como um facilitador da comunicação interna da empresa.

Ele deixa claro quais são os objetivos da companhia e alinha as expectativas da direção e dos funcionários com foco no resultado.

Limite

Os ciclos de OKR, assim como foi citado anteriormente, devem ser curtos e não precisam conter muitos objetivos a serem alcançados.

Seria ideal trabalhar com 2 a 5 objetivos, sendo que cada um deles deve contar com no máximo 5 resultados-chave e no mínimo 2.

Simplicidade

Os OKRs devem ser escritos de uma forma simples e curta, portanto, de fácil memorização.

Além disso, devem ser elaborados de acordo com a cultura da empresa e a sua forma de se comunicar com os Leads.

Strech Goals

Crie objetivos e metas desafiadoras e que tenham a capacidade de tirar a sua equipe da zona de conforto.

Use esses itens para fazer seus colaboradores repensarem a forma de trabalho e usar a sua criatividade para alcançar os resultados esperados.

Qual a estrutura do OKR?

Para que um OKR ofereça os resultados esperados, ele precisa ser estruturado da forma correta e, para isso, é usado um método.

A fórmula para isso pode ser explicada da seguinte forma: eu vou (objetivo), medido por um conjunto de resultados-chave; sendo que os dois conceitos podem ser explicados de uma maneira bastante simples, veja:

Objetivos

Essa expressão significa de forma direta os rumos que a empresa deseja seguir. Como foi comentado anteriormente, eles devem ser curtos e inspiradores, já que um dos papéis do mesmo é motivar a equipe.

No momento de criar os seus objetivos, dê preferência aos verbos, para um melhor entendimento.

Além disso, é importante definir quem são os responsáveis pelos objetivos e qual é o prazo para que eles sejam alcançados pela empresa.

Outra característica deste item é facilitar a comunicação entre os colaboradores do empreendimento.

Resultados-chave

Enquanto os objetivos são mais qualitativos, os resultados-chave são quantitativos.

Podem ser entendidos como as métricas utilizadas para acompanhar a busca pelos objetivos que foram traçados anteriormente.

Eles também podem ser considerados metas menores que, à medida em que são alcançadas, aproximam a empresa do seu objetivo principal.

Os resultados-chave também precisam ser avaliados de tempos em tempos para garantir o sucesso da operação.

Se você se interessou por essa ferramenta e deseja saber mais sobre ela, conte com a Colorkrew e com a sua equipe de especialistas.

Entre em contato conosco e tire todas as suas dúvidas hoje mesmo!

%d blogueiros gostam disto: