Empresas da SIEMENS relatam mudanças ‘sísmicas’ em direção ao trabalho híbrido – mas 88% das empresas ‘despreparadas’

Líderes de soluções de espaços de escritórios inteligentes e sustentáveis divulgaram uma notícia referente ao relatório que estuda sobre a nova realidade do local de trabalho revelando que, embora a mudança para o trabalho flexível seja amplamente aceitável para a maioria das empresas, a preparação para implementar este tipo de estratégia ainda não está totalmente realizada.

Por pedido da SIEMENS (o maior conglomerado industrial alemão da Europa), a empresa de análise líder Verdantix, entrevistou 75 executivos do setor imobiliário corporativo (CRE) de companhias globais que possuem receita anual de mais de US$ 1 bilhão sobre as considerações estratégicas de redefinir os modelos de trabalho devido à pandemia de Covid-19.

As principais descobertas incluem:

  • 83% mudaram permanentemente para um modelo de trabalho híbrido;
  • 88% não estão preparados com processos de gestão de mudanças para implementar a mudança;
  • 25% dos entrevistados ainda estão consolidando suas estratégias de retorno ao trabalho;
  • 91% dos executivos da CRE apontaram a sustentabilidade como a segunda mais prioridade.

Algumas mudanças sísmicas

Segundo Matthias Rebellius, membro do conselho administrativo da SIEMENS AG e CEO da Smart Infrastructure, “os resultados do nosso estudo indicam que as empresas estão considerando como a mudança sísmica o que afeta os objetivos principais, como produtividade e sustentabilidade”.

Ele também disse que “no centro de qualquer negócio está a saúde e o bem-estar da sua força de trabalho. Entendemos a importância de uma transição suave para as novas formas de trabalho hibrido porque assumimos um compromisso corporativo global com isso. Nossa experiência no mundo real nos coloca em uma posição única para aconselhar e auxiliar organizações empresariais por meio dessa transformação universal”.

“Vemos o movimento para o trabalho híbrido como uma mudança fundamental na forma como se as pessoas se conectam com os seus colegas de trabalho e seus espaços de trabalho”, afirmou Stefan Schwab, CEO da Comfy and Enlighted.

“Os executivos do setor imobiliário corporativo precisam de maneiras de entender, acompanhar e se adaptar aos modelos de trabalho em mudança, aproveitando tecnologias e insights de dados para otimização e sustentabilidade de edifícios inteligentes. Nossas soluções atendem a essas necessidades relacionadas, porém diversas”.

Para explorar todas as descobertas e análises do estudo feitas pela Verdantix, baixe o relatório completo para você ficar por dentro de toda a pesquisa feita.

Metodologia de pesquisa

Este relatório, que foi concluído em agosto do ano passado, é o primeiro de uma série de estudos de pulso que examinam o impacto da pandemia em modelos de trabalho atuais, planos imobiliários e prioridades de negócios em grandes organizações comerciais.

Para obter uma visão mais atualizada dos executivos em funções de gerenciamento de imóveis, locais de trabalho e instalações na América do Norte, Europa e APAC.

Todos os entrevistados ocupavam cargos seniores e trabalhavam para empresas com receita anual de mais de US$ 1 bilhão.

A Verdantix também perguntou para esses entrevistados sobre o seu modelo de trabalho em evolução e planos imobiliários, prioridades de negócios, mudanças de funções e responsabilidades e planos de investimento em tecnologia.

%d blogueiros gostam disto: